O comércio eletrônico está consolidado no Brasil e a expectativa de crescimento para o setor em 2018 é de 15% em relação ao ano anterior, com um faturamento de R$ 69 bilhões. Com essa expansão significativa, é fundamental desenvolver estratégias de gestão de e-commerce sólidas.

Apesar dos bons resultados do segmento, muitos lojistas têm problemas para consolidar o negócio e desistem após alguns meses de vendas insatisfatórias. Essa situação comum ocorre devido à falta de planejamento e estratégias consistentes de vendas.

Pensando nesses desafios, destacamos a seguir 5 dicas para otimizar a gestão da loja virtual e solidificar os resultados.

5 estratégias para melhorar a gestão de e-commerce

Uma boa gestão inclui tanto o planejamento das ações que serão desenvolvidas quanto a otimização de processos e soluções visando melhorar o desempenho atual. Assim, diversas estratégias podem colaborar com essas duas demandas da loja. Conheça algumas boas práticas:

1. Planejamento de vendas

Primeiramente, o gestor deve se organizar para que a gestão seja eficiente. Uma forma de alcançar esse objetivo é criando um plano de negócios com metas de vendas e faturamento para períodos específicos e considerando as oportunidades e limitações logísticas e operacionais.

Por exemplo, dificilmente será viável aumentar em 50% as vendas de um mês para o outro, entretanto, um crescimento de 5% é tanto possível quanto desejável. Portanto, as metas devem ser realistas e viabilizar o planejamento no longo prazo, sem comprometer a saúde financeira da empresa.

2. Controle logístico

Um dos setores mais importantes de um e-commerce é a logística, pois é essa área que determinará questões como a capacidade de vendas da loja. Com isso, é fundamental que o gestor tenha um organograma do funcionamento do setor e identifique gargalos operacionais para corrigi-los.

O uso de ferramentas para controle logístico também é muito importante, podendo ser determinante na capacidade da loja de aumentar as vendas. Entre as soluções que devem ser avaliadas estão o controle inteligente de estoque, a emissão de notas fiscais, o acompanhamento automatizado do status de envio e outras funcionalidades.

3. Definição do público-alvo

A adoção de estratégias de gestão mais eficazes é influenciada pela definição adequada do público-alvo. Isso porque as características dos consumidores da marca são determinantes para as ações que podem gerar melhores resultados.

Por exemplo, um público mais jovem pode demandar estratégias de relacionamento mais proativas e esperar mais avisos por parte da empresa sobre status de pagamento e envio. Assim, as características identificadas acabam influenciado quais processos serão desenvolvidos e aprimorados.

4. Ferramentas de gestão

O uso de ferramentas de gestão como o Google Analytics, um sistema de ERP (Enterprise Resource Planning) ou CRM (Customer Relationship Management) são essenciais para otimizar a operacionalização da loja virtual e melhorar os resultados do negócio.

É fundamental que o uso dessas ferramentas seja acompanhado por uma estratégia de mensuração de resultados, com metas claras e relevantes, além de processos que agreguem na experiência de compra do consumidor.

5. Plano de marketing

O desenvolvimento de um plano de marketing também será importante para a gestão do e-commerce, pois ele impacta tanto as etapas de aquisição de leads, potencializando as vendas da loja, como deve ser usado para retenção e fidelização de clientes.

Incluir soluções com foco no relacionamento com o cliente no plano de marketing é essencial para que a empresa tenha a capacidade de atrair novos consumidores, mas também consiga fidelizar os compradores atuais, melhorando métricas de recompra e ticket médio, por exemplo.

A gestão de e-commerce está muito relacionada com a capacidade da loja virtual de desenvolver processos mais relevantes para a experiência de compra, ao mesmo tempo em que investe em novas estratégias para otimizar a operação atual da marca.

E você? O que tem feito na sua loja virtual para tornar a gestão mais eficiente? Conte para nós nos comentários abaixo!