Com a ascensão da internet, as pessoas passaram a criar blogs para os seus negócios, a fim de criar uma relação com os clientes. Inclusive, as vantagens de ter um blog para um negócio vão muito além de aumentar o lucro de uma empresa, ou de uma loja virtual

Isso porque a plataforma consiste em ter atualização de conteúdo diariamente, ou seja, é fundamental que os responsáveis do blog tenham em mente que haverá sempre a necessidade de alimentação de materiais promocionais e de outros tipos.

A importância do Marketing de Conteúdo neste cenário

Este conjunto de estratégias é voltado totalmente no desenvolvimento de conteúdos para as plataformas digitais, sem promover explicitamente a marca. Este tipo de marketing é bastante usado em redes sociais, e obviamente, em blogs também. 

Basicamente, o marketing digital é usado como uma forma de atrair clientes de maneira natural e espontânea  por meio de conteúdos, como:

  • Posts;
  • E-books;
  • Artigos;
  • Entre outros. 

Parte desse marketing se trata de informar ou educar o cliente, de modo que, com o tempo, ele passe a respeitar a marca e, consequentemente, passe a se tornar um cliente fiel desse negócio em questão.

Podemos considerar o Marketing de Conteúdo um conjunto de técnicas novas, isso porque os estudos sobre o segmento só passaram a ser publicados neste novo século. Porém, o conceito de planejamento de conteúdos já vinha sendo usado fora do mundo digital. 

Em 1895, houve a publicação da primeira edição da revista “The Furrow”, que era focada em assuntos relacionados à agricultura. Na primeira oportunidade, foram compartilhados conteúdos relevantes ao público-alvo, em vez de forçar um anúncio oferecendo um produto. 

Na época, inicialmente os leitores da revista não tinham os produtos da empresa, porém, por meio de conteúdos que estavam interligados aos produtos da companhia, os leitores passaram a confiar na marca e finalmente adquirir algum item dela. 

Este é um dos primeiros registros do uso do Marketing de Conteúdo, e desde então, várias empresas passaram a adotar a técnica. Atualmente, é comum vermos vários segmentos adotando o processo natural de captação de clientes.

As formas de divulgação das lojas virtuais

Inclusive, isso pode acontecer, até mesmo, em uma revista de região, por exemplo, em um espaço da folha dedicado a uma loja de equipamentos odontologicos, ou de qualquer outro ramo de atuação.

Dependendo da região, editorias e empresas trabalham junto na construção de uma relação financeira, onde a empresa busca divulgar cada vez mais seu conteúdo em espaços reservados em jornais, revistas, ou programas de rádios. 

Há formatos de mídias que casam com cada segmento de negócio, por exemplo, uma rádio regional localizada na região do ABC, tratando de uma pauta relacionada ao setor de ferro e aço, logo, um representante de uma loja de EPI ABC pode abordar o assunto de maneira informativa.

Entenda a necessidade da criação de um blog para as lojas

A forma de gerenciar conteúdos em um blog, às vezes, é só um exemplo de como tratar da sua marca ou loja virtual fora da plataforma. 

Em alguns casos, quando se trata de uma profissão, é praticamente obrigatório a empresa fornecedora de equipamentos, para aquela respectiva profissão, possuir um blog. 

Como demonstração, podemos imaginar uma loja de EPI para eletricista, que trabalha em cima de uma profissão que necessita de equipamentos de segurança, e nesse caso, transparecer confiança por conteúdos divulgados em seu blog é uma alternativa chave para se destacar das demais empresas.

Aliás, a alta demanda por produtos comuns também traz às empresas a necessidade de se destacar das demais, ainda mais quando se trata de um setor de mercado saturado. 

Por exemplo, em grandes cidades há vários estabelecimentos que oferecem vendas de tintas, um tipo de produto em que a empresa pode criar vários conteúdos tanto em seu blog quanto para sua rede social. 

Entretanto, é importante lembrar que o formato de conteúdo que esta empresa irá desenvolver deverá ser distribuído separadamente, ou seja, o formato de texto para o blog deverá ser diferente do que for publicado nas redes sociais. 

Em outros casos, a procura por produtos que são desenvolvidos para um nicho mais específico, como exemplo, pessoas com deficiência, tendem a ter uma procura mais cuidadosa por parte dos clientes, que por sua vez, buscam a melhor procedência possível. 

Ou seja, até mesmo comprar metais para banheiro, necessita por parte da empresa demonstrar sua qualidade de produtos. É indispensável um blog para que os clientes possam ter certeza da procedência daquele item. 

Por outro lado, temos o perfil de cliente que é influenciado por avaliações de outras pessoas. Nesse caso, podemos usar o exemplo de grandes marcas que trabalham diariamente a opinião do público-alvo sobre sua marca. 

É nesta parte que vemos o resultado da fidelidade do cliente com a marca, pois hipotéticamente podemos imaginar a venda de climatizadores, e nesse momento, há diversas marcas para escolher. 

Você ouve uma avaliação negativa de uma marca na qual já acompanha frequentemente, logo, você decidirá levar a marca que acompanha e sabe a procedência do produto, mesmo ouvindo a experiência negativa de um cliente com esta mesma empresa.  

Quanto mais específico o mercado de atuação de uma companhia, mais fácil será a captação de clientes se a empresa adotar as estratégias digitais. 

Aliás, é recomendado o marketing digital para qualquer empresa, mas no início de um negócio, já é interessante a companhia se consolidar digitalmente. 

Por exemplo, uma empresa voltada em mochilas personalizadas é um setor totalmente dedicado a um nicho de clientes, logo, é recomendado a produção de um blog para que esta empresa possa se consolidar rapidamente, antes que o mercado fique competitivo. 

Diante de tantos exemplos, a criação de um blog e o gerenciamento correto de conteúdos é apenas mais uma forma de captar clientes de forma natural. 

Há uma alternativa para complementar este processo de captação espontânea de clientes, que é investir em um material promocional de empresas, onde basicamente o empreendedor tem a opção de distribuir brindes, ou até mesmo panfletos a fim de divulgar algo relevante, como uma inauguração ou ofertas. 

Qual a relação de um blog com o Marketing de Conteúdo?

Ambos andam lado a lado devido ao conceito em comum que possuem, que é a construção da relação entre a loja virtual, por exemplo, com o público-alvo. 

O blog serve como plataforma para os autores educarem seus clientes, porém, anunciar o produto de forma direta, muitas vezes, pode estragar toda a construção feita. É através do blog que o autor conseguirá clientes fiéis ao seu conteúdo e produto.

Como o blog está inserido no mercado brasileiro? 

Com a ascensão da internet, muitas lojas virtuais possuem um blog, porém, o percentual destas pequenas empresas que utilizam a ferramenta ainda é baixo. De acordo com uma pesquisa, no ano de 2017 com 3.650 participantes, 71% das empresas usavam o blog e o Marketing de Conteúdo. 

Além desse dado, foi levantado também que: 

  • 60,6% pensam em investir mais na plataforma; 
  • 68,9% pretendem adotar estratégias digitais; 
  • 71,7% estão em estágio avançado/intermediário na estratégia;
  • As que produzem mais de 13 conteúdos, têm mais visitantes.

Na prática, o uso do blog necessita de autores totalmente focados no gerenciamento de conteúdos, ou seja, praticamente qualquer negócio pode captar novos clientes com a plataforma. 

De acordo com os dados, em 2017 também foi levantado que já existiam 5,5 milhões de blogs no Brasil, e agora em 2021, esse número já deve ter aumentado bastante. 

É notável que as empresas estão optando cada vez mais pela criação de um blog, afinal, a plataforma permite que a marca seja autoridade no assunto. Por fim, estes são os pontos positivos da criação de um blog para sua loja virtual:

  • Baixo custo; 
  • Você mesmo pode criar um blog; 
  • Cria uma relação com o público; 
  • Aumenta o lucro; 
  • Captação de clientes de forma natural.

Para dar conta dos conteúdos, é recomendado o agendamento de posts que facilitem a alimentação de publicações nas plataformas. A ferramenta é muito utilizada em redes sociais, e fundamental para quem quer praticar o Marketing de Conteúdo na internet. 

Diante das redes sociais e os blogs, é imprescindível os autores da loja virtual, por exemplo, manterem um controle de resposta nos comentários das publicações. Afinal, a interação com o cliente faz com que você se diferencie da concorrência. 

Crie publicações que dão liberdade aos clientes de interagirem, quanto mais vezes você souber a opinião deles, melhor será. Automaticamente você estará traçando um perfil do público-alvo. 

Saber os costumes do consumidor e sua opinião sobre algumas questões, o ajudará a criar publicações que terá o apoio em massa dos seguidores, e consequentemente, um engajamento grande. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.